Home > Artigos > O que dá para fazer com vidro reciclado?

03.02.2022

O que dá para fazer com vidro reciclado?

O vidro pode ser reciclado infinitamente sem perder as suas qualidades intrínsecas. Isso quer dizer que o vidro reciclado pode ser aplicado em qualquer tipo de estrutura e oferecerá as mesmas vantagens de um vidro não reciclado. Vale destacar que a adição de cacos de vidro durante a fusão dos ingredientes facilita o ponto de ebulição e é uma prática frequente dentre os fabricantes de vidro, pois essa técnica diminui a retirada de recursos da natureza, despeja menos CO2 na atmosfera e agiliza o processo de fabricação de vidro.

Ainda falando sobre o que dá para fazer com vidro reciclado, a reciclagem do vidro é um processo de extrema importância para a sociedade, pois interage com diversos aspectos. Destacamos que o vidro é 100% reciclável, de modo que não há perda de material durante o processo; isso quer dizer, por exemplo, que para cada 1kg de caco de vidro, 1kg de vidro novo é produzido. Para efeitos de comparação, para produzir 1kg de vidro virgem, 1,2 kg de matéria prima é retirado da natureza. Interessante, não?

Portanto, para esclarecer o que dá para fazer com vidro reciclado, o produto pode ser aplicado sem receios em qualquer tipo de estrutura envidraçada, como por exemplo:

– Portas e janelas

– Divisórias, paredes e muros de vidro

– Pergolados, telhados e coberturas de vidro

– Envidraçamento de sacadas

– Fachadas envidraçadas

– Guarda-corpos

– Box de banheiro

– Decoração e itens decorativos

Para complementar nosso raciocínio sobre o que dá para fazer com vidro reciclado, vale esclarecer que a aplicação do vidro (reciclado ou não) deve seguir as normas regulamentadoras da ABNT, pois dessa forma a estrutura estará habilitada para oferecer seu máximo funcionamento e garantir a segurança e proteção de todos os usuários. Fique atento, pois um vidro especificado ou indicado de forma errada, seja ele reciclado ou virgem, fatalmente oferecerá perigo aos usuários.

Curiosidades sobre a reciclagem do vidro

É muito importante que todos colaborem com a reciclagem do vidro, pois a técnica contribui de diversas formas para a sociedade, natureza e para a economia. Se você está em dúvida sobre o que dá para fazer com vidro reciclado, veja algumas considerações abaixo:

– Um vidro reciclado possui as mesmas qualidades de um vidro virgem (fabricado a partir de matérias primas naturais). Como já comentado, pode ser aplicado sem receio em qualquer estrutura, desde que esteja de acordo com as normas regulamentadoras vigentes.

– A reciclagem do vidro é importantíssima para a preservação ambiental, tendo em vista que a técnica diminui a extração de matérias primas da natureza, como areia dos leitos dos rios.

– Dando continuidade ao nosso artigo sobre o que dá para fazer com vidro reciclado, ao reciclar o vidro reduzimos a quantidade do produto no meio ambiente, seja em aterros sanitários ou descartados erroneamente na natureza.

– Vale destacar ainda que, ao utilizar vidro reciclado no processo de fabricação do produto, baixamos o ponto de fusão dos ingredientes e, consequentemente, diminuímos o uso de água, energia e, principalmente, de CO2 que seria dispensado na atmosfera.

– Para efeitos de comparação, é possível dizer que para cada 6 toneladas de vidro reciclado que utilizamos, deixamos de emitir, em média, 1 tonelada de CO2 na atmosfera!

– Além de contribuir para a economia circular, a cadeia de reciclagem do vidro gera renda para milhares de pessoas. Continue a leitura e entenda mais sobre os benefícios da reciclagem e o que dá para fazer com vidro reciclado.

– No ano de 2020 o Brasil produziu quase 80 milhões de toneladas de lixo e coletou pouco mais de 72 milhões de toneladas. Dessa forma, aproximadamente 07 milhões de toneladas de vidro não foram coletadas e podem estar na natureza.

– Para se ter uma noção da importância da reciclagem do vidro, em 2019 cada habitante do Brasil gerou em média 380 Kg de resíduos (vidro). Se todo este vidro tivesse sido reciclado seria possível produzir aproximadamente 2.000 garrafas com peso aproximado de 190g.

– Outro dado importante no momento de analisar o que dá para fazer com vidro reciclado: para 2050 a estimativa é de um aumento de quase 50% nos resíduos gerados em terras brasileiras, com a projeção de um crescimento populacional próximo dos 12% – numa comparação com o ano de 2019.

– A maioria dos tipos de vidros podem ser reciclados, inclusive garrafas de bebidas, potes de armazenamento de alimentos, frascos de molhos, perfumes.

Para finalizar nosso artigo sobre o que dá para fazer com vidro reciclado, vale esclarecer que nem todo tipo de vidro pode ser encaminhado para a reciclagem, como é o caso do vidro temperado, espelhos, vidros de automóveis, lâmpadas, etc. Entretanto, esses tipos de vidro não podem, em hipótese alguma, serem dispensados no meio ambiente. Os vidros não reciclados precisam ser separados, identificados e encaminhados ao centro de coletas para a devida destinação.

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Conheça nossa Política de Privacidade.