Dicionário do Vidro

Esquadria de ferro

 

Esquadria de ferro é um dos componentes utilizado na construção civil para auxiliar o fechamento de aberturas e vãos, como portas e janelas.  Esse modelo de esquadria, bem como os outros tipos de esquadria populares (esquadria de aluminio, esquadria de madeira e esquadria em PVC) permite a acomodação das folhas das janelas e portas, sendo essencial para o bom funcionamento desses elementos.

Além de portas e janelas, as esquadrias de ferro também compreendem grades, portões, guarda corpos, basculantes; podem ser confeccionadas em escala industrial ou não, com perfis tubulares, perfil laminado em ‘T’, ‘L’, e ‘I’ ou perfis aberto fabricados com chapas de aço.

O metal, geralmente aço, utilizado para confeccionar as esquadrias de ferro é obtido a partir da mistura de Ferro (Fe), Carbono (C) e de outros elementos em pequena quantidade, como manganês, enxofre, fósforo e sílico.

Também pode misturar cobre à base, para amplificar as capacidades anticorrosivas. As esquadrias fabricadas com perfis de aço podem ainda receber uma fina camada de zinco (galvanização), proporcionando segurança adicional contra corrosão.

Vale lembrar que este tipo de esquadria não pode ser exposta a nenhum tipo de ácido, tendo em vista que pode gerar reação química com o aço, até mesmo quando protegida, culminando na deterioração da esquadria de ferro. A instalação da esquadria de ferro deve ser realizada em espaços rigorosamente estudados.

Uma possível desvantagem está relacionada ao peso dessas esquadrias, o que pode dificultar a instalação. Também, a esquadria de ferro demanda de manutenção preventiva contínua para evitar as corrosões. Entretanto, essas desvantagens podem ser compensadas pelo bom desempenho da esquadria.

Curiosidade: Os compomentes metálicos representam uma tecnologia bem antiga para a fabricação de esquadrias, oriunda desde meados do século 19, quando utilizava-se perfis de ferro laminado fabricados; ajustados em pequenas serralherias.