Dicionário do Vidro

Vidro jateado

 

Com características contemporâneas, o vidro jateado consegue misturar texturas, formas, relevos e cores, agregando inovação e requinte aos ambientes. Além do mais, o efeito jateado deixa a folha de vidro opaca, sendo ótima alternativa para utilização em ambientes privativos, como banheiros e nos quartos.

Com predicados únicos, a folha de vidro jateado pode participar de portas, janelas, biombos, divisórias, além de ser muito procurado pelo segmento de decoração de ambientes devido ao seu efeito estético.

As texturas e formas diversas são obtidas através da submissão da placa a jatos com grãos de areia ou pó abrasivo. A areia retira lascas minúsculas do vidro, formando desenhos opacos em sua superfície. Vale lembrar que, devido a esse tratamento, o vidro jateado se apresenta visualmente fosco e com textura áspera ao toque.

Entretanto, apesar da aparência fosca, o vidro jateado permite o controle da luminosidade, além de ser altamente resistente, apresentar alta durabilidade e poder ser personalizado, garantindo, dessa forma, qualidades estéticas e funcionais a qualquer ambiente.

Por esse motivo o vidro jateado é requisitado por diversos segmentos, como arquitetura e construção, indústria dos móveis e eletrodomésticos. Também reconhecido como vidro fosco, atualmente é possível encontrar vidros jateados em cabines fechadas, cujo efeito visual é obtido através de pós abravisos altamente eficazes, menos tóxicos e que são capazes de aumentar a vida útil do jateado.

Curiosidade: O vidro jateado, tendo em vista sua textura áspera, pode permitir o acúmulo de sujeira na porosidade, além de ser suscetível a manchas proveniente do toque das mãos.

Entretanto, o mercado vidreiro possui alternativas ao vidro jateado, como é o caso do vidro acidado, que adquire desenhos e texturas únicas através de tratamentos químicos. O vidro acidado, por exemplo, não mancha ao toque das mãos e não permite o acúmulo de sujeira na superfície do vidro.